Roupas de MarcaA roupa, também conhecida como vestuário ou indumentária, é o tecido usado para cobrir partes do corpo. Sua utilização se deve a vários motivos, como questões de necessidade, sociais ou culturais.

Através da vestimenta podemos descobrir muito sobre uma pessoa, como por exemplo, sua personalidade, seu estilo e o seu dia à dia. Épocas, histórias e sociedades foram caracterizadas através de suas vestimentas, que além disso, sempre foi sinônimo de bom senso e ética.

Falando em roupa, não podemos deixar de mencionar a moda, que dita as tendências para os consumidores e que varia com o tempo. Dentro da moda, existem as grifes de luxo, que são as fabricantes das conhecidas 'roupas de marca', desejo de grande parte da população.

Essas roupas são tão desejadas pelas mulheres, que atualmente existem diversas maneiras de comprar e revender roupas de marcas online. São milhares de sites especializados no Brasil e no mundo.

Nesse site, você encontrará informações sobre os tipos de roupas e esse seu segmento mais conhecido como as roupas de marca.

História da Roupa

Assim como várias coisas na vida que nós não sabemos a origem, a roupa também é uma delas. Não se sabe ao certo o início do seu uso, mas acredita-se que na pré-história os homens começaram a utilizá-la para se proteger de temperaturas extremas e climas variados.

A questão estética parece ter tido importância desde os primórdios da utilização do vestuário. Esses homens pré-históricos, por exemplo, usavam as peles dos animais que eram caçados para cobrir o corpo como sinônimo de poder e bravura, provando assim o valor estético e social do momento.

Com o passar do tempo, as técnicas para confecção das roupas foram ganhando aprimoramentos, com a criação de certas variedades de modelos que ao longo dos anos e épocas foram se diversificando.

Os persas foram os primeiros a fazer essa nova experimentação, com a costura em tecidos que mais se ajustam a forma do corpo, visando principalmente a estética e o conforto.

Na Idade Média, os tecidos foram ficando mais finos, e surgiram as túnicas, que eram utilizadas e decoradas de acordo com a posição social das pessoas. Os nobres usavam túnicas de seda, decoradas e as pessoas de classes baixas, túnicas simples, sem qualquer luxo.

História da RoupaCom a modernização e o crescimento das cidades, as pessoas começaram a ter cada vez menos tempo para produzir suas próprias peças, por causa do estilo de vida urbano. As roupas, que geralmente eram feitas em casa, começaram a ser comercializadas ao longo da história, e assim as confecções e os artesãos foram ganhando espaço e prestígio no comércio.

Foi então, que após a Revolução Industrial, elas começaram a ser fabricadas por máquinas que conseguiam produzir em grande escala, a mão de obra era baixa, e os preços mais acessíveis.

Com esse aumento na produção e na comercialização, variedades de modelos foram surgindo e a moda começou a fazer parte da vida das pessoas, ganhando importância no cotidiano principalmente no segmento de moda feminina. Tendências começaram a existir e cada século e década foram ganhando caracterizações próprias de vestuário.

As pessoas ao se vestirem, não se preocupavam apenas em cobrir o corpo, a 'beleza' e a identidade própria se tornaram mais um requisito na escolha das peças de seus guarda-roupas.